Monday, June 21, 2010

Wednesday, June 16, 2010

Plastikman Live

O artista Plastikman, Richie Hawtin, desenvolveu um espetaculo único envolvendo uma experiência multimídia. Aconteceu no festival Villette Sonique/Art We Love.



plastikman16

plastikman15

plastikman13

plastikman12

plastikman10

plastikman8

plastikman6

plastikman2

plastikman1

plastikman7

Monday, June 14, 2010

Som











Thursday, June 10, 2010

Uma nova cultura

clay

Sugestão de leitura: o texto “Does the internet make you smarter?“, de Clay Shirky, publicado no Wall Street Journal. Via Desculpe a Poeira

Som







Você tomaria uma bebida consigo mesmo?

Hugh Hefner, idealizador, fundador e editor-chefe da mais famosa revista erótica do mundo, a Playboy, é o novo rosto para a campanha da vodka Stolichnaya.

Investindo pesado em um projeto que não fala propriamente de seu produto, a marca deseja fazer com que os apreciadores de um bom drink se questionem com a seguinte pergunta:

“Você tomaria uma bebida consigo mesmo?”

O vídeo da campanha lançado até então mostra duas versões de Hugh, em sua já conhecida mansão recheada de coelhinhas da Playboy. Uma o cara é empresário de terno, sério e comprometido, em outra o velho magnata com pijama de seda e mulherengo de sempre. Ambos começam então um papo descontraído, enquanto o conceito da campanha chega ao seu desfecho.

A criação é da Ogilvy and Mather de NY, com produção da Hungry Man e direção de Bryan Buckley.

E aí, você tomaria um drink com a sua própria companhia ao lado?

“Would you have a drink with you?”



Via Y2

Obsessives: Soda Pop

John Nese is the proprietor of Galco’s Soda Pop Stop in LA. His father ran it as a grocery store, and when the time came for John to take charge, he decided to convert it into the ultimate soda-lover’s destination. About 500 pops line the shelves, sourced lovingly by John from around the world. John has made it his mission to keep small soda-makers afloat and help them find their consumers. Galco’s also acts as a distributor for restaurants and bars along the West Coast, spreading the gospel of soda made with cane sugar (no high-fructose corn syrup if John can avoid it). Via CHOW.com

Obsessives: Soda Pop from CHOW.com on Vimeo.

Louis Vuitton World Cup

louis vuitton naomi campbell 468x303 Louis Vuitton Unveils World  Cup Trophy Trunk

A Louis Vuitton acaba de lançar uma caixa elegante em capa de couro produzida exclusivamente para levar o troféu até a África do Sul. Desde o início do torneio em 1930, o troféu da Copa do Mundo sempre foi transportado em uma caixa de metal blindado, por razões de segurança.

louis vuitton naomi campbell Louis Vuitton Unveils World Cup  Trophy Trunk

lv world cup trunk 468x310 Louis Vuitton Unveils World Cup Trophy  Trunk

ecrin louis vuitton coupe du monde1 Louis Vuitton Unveils World  Cup Trophy Trunk

O Brasil vai trazer essa na bagagem.

Banheiras dos hotéis de luxo



Esse abaixo, é o mais caro do mundo. Avaliado em mais de USD 30 milhões.



Via Gabriela Otto

Celebridades em uma garrafa


crystal head vodka 468x702 Celebrity in a bottle for your  consumption

Crystal Head Vodka by Dan Aykroyd, comedian, actor and singer

trump vodka 468x624 Celebrity in a bottle for your consumption

Trump Vodka by Donald Trump, international businessman

old whiskey river 468x351 Celebrity in a bottle for your  consumption

Old Whiskey River by Willie Nelson, American country singer

sofia blanc blanc 468x525 Celebrity in a bottle for your  consumption

Sofia Blanc de Blanc by Sofia Coppola, director, writer and designer

mansinthe 468x315 Celebrity in a bottle for your consumption

Mansinthe by Marilyn Manson, goth musician

fred water 468x350 Celebrity in a bottle for your consumption

Fred water by Fred Segal, Hollywood trendsetter associated with Fred Segal clothing shops in Los Angeles

little jonathan winery 468x780 Celebrity in a bottle for your  consumption

Little Jonathan Winery by Lil Jon, crunk and hip hop musician

badass redneck lagerl Celebrity in a bottle for your consumption

Badass Redneck Lager by Kid Rock, musician and songwriter

cabo wabo 468x294 Celebrity in a bottle for your consumption

Cabo Wabo Tequilla by Sammy Hagar, rock singer

conjure cognacludacris 468x319 Celebrity in a bottle for your  consumption

Conjure Cognac by Ludacris, rapper and actor

danny devito limoncello 468x277 Celebrity in a bottle for your  consumption

Limoncello by Danny DeVito, actor, director and producer

mariah bottles Celebrity in a bottle for your consumption

Angel Rose Champagne by Mariah Carey, musician, songwriter and producer

ciroc vodka 468x493 Celebrity in a bottle for your consumption

Ciroc by Diddy, international mogul

Tuesday, June 1, 2010

Empresários investem R$ 120 milhões em cervejaria no Nordeste

Um grupo de três empresários pernambucanos está investindo R$ 120 milhões em uma nova cervejaria, a Companhia Brasileira de Bebidas Premium (CBBP).

Murillo Camarotto,

Um grupo de três empresários pernambucanos está investindo R$ 120 milhões em uma nova cervejaria, a Companhia Brasileira de Bebidas Premium (CBBP). Como o nome já sugere, a empresa vai explorar o promissor mercado brasileiro de cervejas "premium", que vem crescendo a taxas elevadas nos últimos anos.

O anúncio vem na esteira de investimentos importantes que estão sendo realizados pelas grandes cervejarias na região Nordeste, mercado mais aquecido do país. Dados mais recentes da consultoria Nielsen, referentes aos três meses encerrados em fevereiro, mostram que as vendas de cerveja no Nordeste (exceto Ceará, Maranhão e Piauí) cresceram 20,6% em relação a um ano antes. A média nacional ficou em 15,9%.

Nesse sentido, a Schincariol, líder no mercado nordestino, está ampliando e modernizando as unidades de Paulista (PE) e Alagoinhas (BA), esta última com aporte de R$ 400 milhões, revelado na semana passada. Já a AmBev deverá anunciar em breve uma nova planta em Pernambuco, um investimento de R$ 200 milhões. As informações, não confirmadas pela empresa, são do governo de Estado.

Com relação à CBBP, está prevista para dezembro a inauguração da primeira fábrica da empresa, no município cearense de Pindoretama, a 40 quilômetros de Fortaleza. A unidade, que está sendo construída há cerca de um ano e meio, terá capacidade para 150 milhões de litros de cerveja por ano. A produção será totalmente destinada ao Nordeste.

Segundo o sócio e presidente da CBBP, João Carlos Noronha, a ideia de investir na região veio, basicamente, das oportunidades "excelentes" para o negócio. Além do clima quente e do crescimento econômico, pesa ainda a demanda reprimida. Enquanto o consumo nacional de cerveja está em cerca de 50 litros por habitante/ano, no Nordeste a relação não passa de 35 litros. Noronha, de 41 anos (ex-executivo da Cimento Nassau, que pertence à sua família), tem como sócios no projeto José Aécio Vieira, de 39 anos - que é dono de hospitais, entre outros negócios -, e Dante Peló, de 34 anos.

A ideia da CBBP é lançar inicialmente a versão premium de uma cerveja pilsen, categoria mais conhecida no mercado brasileiro. "Em um segundo movimento, vamos colocar uma linha mais elaborada, de alta fermentação, como cervejas de trigo e do tipo bock, entre outras", diz Noronha. Alegando questões concorrenciais, ele evita revelar o nome das cervejas.

Para 2011 está previsto o início das obras da segunda fábrica da CBBP, que será em Pernambuco. O município de Goiana, na Mata Norte do Estado, é o favorito, mas a empresa ainda avalia a melhor relação entre localização e benefícios fiscais. Normalmente, os governos do Nordeste têm oferecido desconto de 90% sobre o ICMS presumido, porém pode haver variações atreladas à interiorização dos investimentos, ou seja, quanto mais afastada a fábrica das capitais, maior o benefício.

O investimento em cada unidade, segundo Noronha, é de cerca de R$ 60 milhões. O valor inclui a construção das fábricas, a infraestrutura de distribuição e o marketing. Agora, a CBBP procura terrenos nos municípios de Juazeiro do Norte (CE), Sobral (CE), Teresina (PI) e Mossoró (RN) para a construção dos centros de distribuição.

A estratégia da empresa consiste em oferecer cervejas mais elaboradas a um custo menor, daí a necessidade de uma produção em escala industrial razoável. Noronha acredita que sua cerveja pilsen chegará às gôndolas em janeiro custando só 5% a mais do que as marcas já conhecidas do público.

"Algumas pesquisas que fizemos mostraram que há espaço no mercado para essa cerveja, produzida numa planta industrial, mas com qualidade artesanal", afirma. Segundo o executivo, o seu diferencial estará na escolha dos ingredientes e em um processo mais longo de maturação da bebida, que nas grandes cervejarias é encurtado em função da eficiência da produção.

Além do nome, também é mantida em sigilo a campanha de lançamento da cervejaria, que deve começar em novembro. O diretor de marketing da CBBP, Lucas Afonso, revela apenas que o produto terá um apelo ao paladar e será apresentado como a "cerveja de hoje", fugindo dos estereótipos de tradição comuns a muitas marcas. O uso das redes sociais para veiculação também está nos planos.

A cautela dos executivos com a divulgação da estratégia faz sentido. O mercado brasileiro de cervejas é formado por competidores extremamente agressivos. Noronha acredita que as recentes aquisições de pequenas cervejarias pelas gigantes do setor revelam uma das faces dessa agressividade. Na sua avaliação, não há grande interesse das grandes em desenvolver o mercado de cervejas artesanais, mas principalmente a intenção de barrar o crescimento de empresas emergentes.

Mais informações: www.cbbp.com.br

Fonte: Valor